17

NÚMEROS: SORTE OU AZAR?

Publicado em
NÚMEROS: SORTE OU AZAR?

7 superstições envolvendo números

O espelho quebrado que traz 7 anos de azar. A sexta-feira 13 que é assustadora. O número 4 que causa a morte. Enfim, os números estão intrinsecamente conectados às superstições. Conhecer alguém que não dá a mínima para isso é difícil. Até mesmo em uma roda de amigos em um barzinho sempre tem alguém para soltar: “Beber sem brindar, 7 anos sem transar”.
Bobagem e crença descabida? Ou será que alguns números realmente podem influenciar nossa sorte para o bem ou para o mal? As superstições envolvendo os numerais são incontáveis e variam de país para país. Porém, para focarmos no misticismo, contaremos a história de sete (é claro) desses números. Conte conosco:

1. O número 13
O 13 deve ser o número mais supersticioso de todos. Quem nunca teve medo do Jason nos filmes da “Sexta-feira 13”? Tem tanta gente que teme esse número que até mesmo um nome para isso foi criado: triscaidecafobia. A origem dessa fantasia, entretanto, não é bem certa.
É bastante popular a teoria de que Judas foi a 13ª pessoa a se sentar à mesa de Jesus Cristo na Última Ceia. Já outras pessoas acreditam que o 13º artigo do Código de Hamurabi foi omitido – sendo que ele nem é numerado! Até mesmo nos países nórdicos se acredita que uma festa com 12 deuses foi abalada com a chegada de um 13º convidado.
Porém, nem todo mundo compactua dessa “maldição”. Basta se lembrar, por exemplo, do futebolista Mário Zagallo. Ele é o único pentacampeão mundial de futebol, estando presente como jogador, técnico ou auxiliar-técnico em todas as campanhas vitoriosas da seleção brasileira. Zagallo ama o número 13 e diz que ele lhe traz sorte.

2. Números pares
Você sabia que algumas pessoas não gostam de números pares? A lógica por trás dessa superstição não é muito clara, mas muitos acreditam que o fato de eles serem divisíveis os tornaria menos “potentes” do que os números ímpares. “Mas, Mega Curioso, o 15 é um número ímpar e é divisível por 3 e por 5”. Exato, jovem aprendiz de Einstein. Por isso a lógica por trás disso é estranha.

3. A sorte no 12
O raciocínio por trás das superstições é tão maluco que o número 12 é considerado de sorte justamente por ser bem divisível – ao contrário do item anterior, por exemplo. Ele pode ser reduzido à metade, e também à terça e quarta partes. Sua proximidade com o “azarado” 13 também aumenta a aura de misticismo benéfico ao seu redor.

4. A divina trindade
No cristianismo: Pai, Filho e Espírito Santo. No hinduísmo: Brahma (criação), Vishnu (conservação) e Shiva (destruição). No paganismo: terra, céu e mar. Tríades como essas fortaleceram a crença de que o número 3 é divino, especial e perfeito. Ele forma uma “unidade” sólida.

5. Três vezes três
E se o três é divino, o que dizer de três vezes ele próprio? O nove, por essa característica, também é visto com bons olhos por alguns supersticiosos – e até mesmo em situações assustadoras. Historicamente, por exemplo, temos o chicote “gato de nove caudas”. Extremamente doloroso por ter nove pontas de punição, o uso desse chicote em embarcações antigas era visto como uma forma de “purificar” os marinheiros!

6. 666
Hexacosioi-hexeconta-hexafobia: essa palavrinha nada bonita significa o medo irracional do número 666, o tal “número da besta”. A origem está na Bíblia, mais especificamente no livro do Apocalipse, que descreve o belzebu com esse número. O suposto versículo maligno diz: “Aqui há sabedoria. Aquele que tem entendimento que calcule o número da besta; porque é o número de um homem, e o seu número é seiscentos e sessenta e seis” (Apocalipse 13:18). Deus me livre!

7. 777
Quem nunca sonhou em tirar três vezes o número 7 em maquininhas caça-níqueis? Apesar de o cassino ser proibido no Brasil, muito jogos incluíam essa lógica de premiar a trinca de setes. Porém, mesmo isolado, o número sete é visto como sorte/azar por quase todo mundo. Ao lado do 13, é uma unanimidade em termos supersticiosos. Ele possui vários significados: Deus criou o mundo em sete dias, o arco-íris tem sete cores, os gatos têm sete vidas, são sete as maravilhas do mundo antigo e por aí vai! Dizem, inclusive, que o sétimo filho de um sétimo filho teria poderes mágicos! Se você conhecer alguém assim, nos apresente!

Fontes: HOW STUFF WORKS/BAMBI TURNER via Mega Curioso

Categoria: Brasil / Japão, Lendas & Mistérios, Phoenix News, Mundo | Tags: | Retornar

Artigos relacionados

Nenhum artigo

Rádio Phoenix Popup Player

OS MAIS VISTOS

EQUIPE DA PHOENIX EXPLORA O TÚNEL MAIS ASSOMBRADO DO JAPÃO
EQUIPE DA PHOENIX EXPLORA O TÚNEL MAIS ASSOMBRADO DO JAPÃO
Olá galera Phoenix, como prometido um tempo atrás começamos a fazer as expedições em lugares que rezam as lendas japonesas “assombrados”
Leia mais >
VULCÃO HAKONE ENTRA EM ERUPÇÃO
VULCÃO HAKONE ENTRA EM ERUPÇÃO
Erupção no Monte Hakone colocou as autoridades em alerta.
Leia mais >
LUGARES ASSOMBRADOS NO JAPÃO: HOSPITAL FUJIOKA
LUGARES ASSOMBRADOS NO JAPÃO: HOSPITAL FUJIOKA
Dizem que em todas as janelas se vê espíritos encarando quem visita o hospital Fujioka, da cidade de Toyota, província de Aichi.
Leia mais >
A PHOENIX EXPLORA O HOTEL MAIS ASSOMBRADO DO JAPÃO
A PHOENIX EXPLORA O HOTEL MAIS ASSOMBRADO DO JAPÃO
O Hotel Fujiland ou Hotel Bellevue Fuji (ベルビュー富士) encontra-se no cume de uma montanha na província de Shizuoka.
Leia mais >
EMPREITEIRA LIFE SUPPORT INAUGURA ESCRITÓRIO NA CIDADE DE KOMAKI
EMPREITEIRA LIFE SUPPORT INAUGURA ESCRITÓRIO NA CIDADE DE KOMAKI
Neste sábado, dia 18 de abril, aconteceu a inauguração da Empreiteira Life Support na cidade de Komaki (Província de Aichi).
Leia mais >